Comunicação em indústrias – o desafio de engajar e informar à todos

A comunicação é, sem dúvidas, a ferramenta que permite a humanidade ser coletiva. Passar informações, compartilhar experiências, e assim evoluir. Somos seres que cooperam uns com os outros por natureza, nos realizamos com oportunidades de concluir uma missão em conjunto e quando nos sentimos parte de uma equipe é com certeza motivador. Funciona assim na sociedade, e também em microambientes, como o das organizações.

Precisamos ter em mente a necessidade de um ambiente harmônico para atingir objetivos e metas. Para isso, cada setor enfrenta diferentes  dificuldades de conseguir colocar em xeque a chegada da informação para todos.

A comunicação em indústrias se torna um desafio, frente às diferenças entre os indivíduos ali inseridos. Mas, uma análise cautelosa e um planejamento adequado podem superar qualquer barreira. Veja as dicas que separamos para comunicar e engajar em indústrias, sem deixar nenhum colaborador de fora!

A forma importa

Um dos pontos cruciais da comunicação é entregar uma determinada mensagem, mas mesmo em situações onde a informação seja a mesma para todos os grupos, é importante separar a forma como cada um vai receber.  Aqui estamos falando, não só de formato, mas também de canal e linguagem. 

Em uma realidade industrial, é possível que a mesma mensagem precise ser transmitida para o time comercial, que está sempre atuando remotamente visitando clientes, apresentando feiras e exposições, a equipe administrativa, que passa a maior parte do tempo atuando no escritório, com acesso ilimitado a internet e o time da produção, que trabalha efetivamente na fábrica, muitas vezes lidando com maquinário e sem acesso fácil a computadores.

O contexto no qual cada um desses times será impactado por uma informação é completamente distinto, e esse é o perfeito exemplo de que a estratégia precisa levar em consideração a rotina de cada um deles. Será que todos têm tempo, nos intervalos de suas funções para ler longos comunicados? Provavelmente, não. Será que todos utilizam os mesmos canais? Também, não.

É possível manter um padrão corporativo, sem abrir mão de adaptar sua estratégia para os diferentes públicos. Que tal se questionar, enquanto realiza o planejamento:

  • Quais canais são mais acessíveis a esse público?
  • Em qual momento do dia o conteúdo poderá ser consumido?
  • Quanto tempo esse colaborador pode investir interagindo com essa mensagem?
  • Vou conseguir dimensionar o impacto dessa informação? 

A partir destes questionamentos, será mais fácil direcionar a mensagem da maneira mais assertiva para cada colaborador. 

Criar fluxos personalizados é uma forma de acolher a diversidade que existe dentro da sua empresa, possibilitando que todos sejam informados de acordo com as particularidades da sua atuação.

A liderança como ferramenta

Em ambientes industriais, com alto volume de colaboradores, contar com o apoio da liderança para transmitir informações, criar relacionamento e coletar feedbacks é uma estratégia bastante difundida e também barata. 

Por mais alinhada que seja sua estratégia de comunicação, o contato humano tem um potencial muito alto para aproximar as pessoas e criar engajamento genuíno. Por isso, apostar em programas que envolvam as lideranças são uma boa pedida. 

Os líderes já fazem parte do dia a dia das pessoas, gerenciando as atividades, mas podem também ter um papel de intermediário entre a empresa e os times, promovendo informações e estimulando o relacionamento. 

Pertencimento gera engajamento

Como citado acima, empresas do setor industrial, muitas vezes contam com setores muito distintos e que acabam não tendo um grande relacionamento entre si. Mas, para que haja prosperidade é importante que todos compreendam que, apesar das rotinas diferentes, todos têm um grande objetivo final, que é a prosperidade da empresa.

Estratégias podem promover o contato entre colaboradores de áreas distintas, dando oportunidade para que aconteça a troca de informações e vivências.

Ações de valorização, também podem ter efeitos muito positivos. Seja parabenizando pessoas por tempo de casa, compartilhando resultados, apresentando cases de sucesso.

Ao humanizar as pessoas e mostrar a importância que cada uma delas tem para o crescimento da empresa, você terá colaboradores mais engajados em suas funções e motivados a alcançar resultados cada vez melhores.


Apesar dos desafios, boas estratégias são capazes de transformar o ambiente corporativo. Cada empresa terá facilidades e dificuldades, mas o essencial é sempre manter um olhar atento para os colaboradores e para que tipo de suporte eles precisam, para que possam prosperar. 

O Comunica.in oferece 6 opções de canais, para que você possa construir o mix ideal e chegar a todos os seus públicos. Para conhecer melhor nossas soluções, acesse o site.

Deixe uma resposta